Newsletter LARUS: Para receber o newsletter do instituto Larus, preencha os campos ao lado.  
   

Olá Amigos e Amigas do Larus......     É muito bom registrar suas visitas em nosso Site.                         Ajudem-nos a aprimorar este site, enviando sugestões e comentários......                  Aproveitem para ler notícias e artigos.....             É preciso conhecer a Natureza para defender a Vida, porque....  Ninguém Preserva o que não Conhece.  

 
     
 
»  - 20/09/13

Um grupo de cientistas australianos e canadenses encontrou evidências de que o declive da população de tubarões tem um impacto negativo nos recifes, informou nesta quinta-feira a imprensa australiana.

Mark Meekan, do Instituto Australiano de Ciências Marinhas, comandou o estudo realizado em atóis situados a cerca de 300 quilômetros a noroeste da Austrália e onde os pescadores indonésios minguaram consideravelmente o número de tubarões, segundo a emissora ABC.

Com o desaparecimento dos tubarões, aumentou o número de espécies predadoras pequenas, como os peixes-imperadores e os besugos prateados, que se alimentam, entre outros, de animais cuja função é limpar de algas os recifes e permitir que os corais se regenerem.

“Os recifes de coral têm um futuro incerto, mas ainda se pode fazer algo para proteger os tubarões”, ressaltou o australiano Meekan, ao recomendar a criação de reservas marinhas.

Fonte: Terra

Voltar
 
Jul 2016, 21
Jul 2016, 14
Jul 2016, 13
Mai 2016, 06
Fev 2016, 11
[+] mais artigos
 
home  |  o larus  |  notícias  |  artigos e publicações  |  projetos  |  contato
Copyright 2007 © Instituto Larus - Todos os direitos reservados.
Design & Code: Floripa 360°